Diabetes – Uma doença silenciosa

Diabetes é uma situação que acontece em nosso organismo, em que o índice de glicose – açúcar – se encontra mais alto do que deveria.

O açúcar no sangue é controlado pelo que comemos, mas também pela capacidade do nosso corpo em usá-lo. Quem faz com que possa ser utilizado é a insulina, hormônio produzido num órgão chamado pâncreas.

Existem algumas razões para ocorrer diabetes. As mais comuns são os chamados diabetes tipo 1 e tipo 2.

O diabetes tipo 1 é uma doença autoimune. Assim como o vitiligo – aquela doença em que a pele fica com faixas brancas – essa doença também é provocada por anticorpos que atacam uma parte do corpo. No vitiligo, eles atacam a “tinta” da pele; no diabetes, as células que fazem insulina no pâncreas são atacadas. Com o corpo sem insulina, sobra açúcar no sangue e a pessoa portadora dessa doença precisa utilizar insulina injetável para controlá-lo.

No diabetes tipo 2, existe insulina no corpo, mas ela não consegue agir. Isso acontece quando o corpo está “dificultando” a ação desse hormônio. Quem faz esse “serviço” é principalmente a gordura abdominal, aquela da barriguinha. Ela produz uma série de substâncias inflamatórias que atrapalham o corpo inteiro, causando diabetes, infarto, gordura no fígado, etc. Isso vale tanto para as pessoas muito acima do peso, como para aquelas que “só tem barriga”.

A associação de excesso de cintura abdominal (mulheres com mais de 80 cm e homens com mais de 90 cm) e antecedente familiar de diabetes (pois quando se tem diabetes na família, o pâncreas talvez não seja tão “potente”) é a associação infelizmente perfeita para propiciar o aparecimento da doença.

Portanto, se você estiver acima do peso, tem já de se cuidar, mas se está acima do peso e tem diabetes na família, deve redobrar sua atenção com a saúde. A ajuda de endocrinologista, nutricionista e equipe multidisciplinar para o tratamento da obesidade e diabetes pode salvar sua vida!

Mas qual o perigo de se ter diabetes?

O problema nasce de duas coisas: excesso de açúcar e de inflamação no sangue. Ambos são consequência da obesidade e do processo inflamatório que ela causa em nosso corpo, e acabam machucando nossos vasos sanguíneos, que são quem mais têm contato com esse ambiente. Além disso, muitas vezes o diabetes vem associado à pressão alta e colesterol. Nossos vasos não foram projetados para levar tudo isso!

Como os vasos percorrem o corpo inteiro, vários órgãos acabam se machucando junto: nervos, coração, rins, olhos… Respectivamente fazendo perder a sensibilidade nos pés, aumento de infarto, insuficiência renal, cegueira.

Mas o mais importante de tudo isso não é saber das consequências, mas sim que agir rápido, logo no início do quadro, ou de preferência quando ele ainda não se instalou, é bastante eficaz. Tudo isso pode ser evitado. Prevenção é sempre melhor!

Ter hábitos mais saudáveis, comer melhor, fazer atividade física, dormir melhor, enfim, viver melhor pode te levar a ter mais momentos gostosos e menos preocupação e problemas no futuro!

Não deixe para depois. A vida é aquilo que passa enquanto estamos fazendo planos.

Agende sua consulta com a nossa equipe de Endocrinologia para cuidarmos mais de você!

Dr. Thiago Fraga Napoli
Endocrinologia e Metabologia – RQE 40701
Chefe do Ambulatório de Cirurgia Bariátrica IAMSPE (Hospital Servidor Estadual São Paulo)
CRM-SP 120568

whatsapp telefone facebook instagram  AE Digital - Agência digital em São Paulo menu_mobile